DEFINIÇÕES

SIMBIÓTICO

Os simbióticos são utilizados como promotores orgânicos de crescimento. São produtos que unem o fornecimento de microorganismos probióticos em sinergia com substâncias prebióticas específicas. Sua ação favorece tanto a eficiência produtiva quanto a sanidade.

PROBIÓTICOS

O termo probiótico é de origem grega e significa “para a vida”. Inicialmente, o termo probiótico foi proposto para descrever compostos ou extratos capazes de estimular o crescimento microbiano. Atualmente, de acordo com a Legislação Brasileira, probiótico é definido como um suplemento alimentar microbiano vivo que afeta de maneira benéfica o organismo pela melhora no seu balanço microbiano.

PREBIÓTICOS

São componentes alimentares não-digeríveis que afetam beneficamente o hospedeiro, por estimularem seletivamente a proliferação ou atividade de populações de bactérias desejáveis. Adicionalmente, os prebióticos podem inibir a multiplicação de patógenos, garantindo benefícios adicionais à saúde do hospedeiro.

LEVEDURAS

Leveduras são elementos unicelulares eucarióticos que têm sido utilizados pelo homem desde a antiguidade e cuja manipulação causou grande impacto na produção de alimentos.

São capazes de atuar positivamente no sistema imunológico e na absorção de nutrientes no intestino anterior, seja como um substrato seletivo para um determinado grupo de bactérias comensais benéficas, seja como imunoestimulante.
 Leveduras são potencialmente importantes fontes de proteína (fornecem aminoácidos essenciais) e de fatores de crescimento. Além disso, são fonte de vitaminas do complexo B e minerais.
 
A Saccharomyces cerevisiae merece um papel de destaque, pois, além de ser considerado um dos microorganismos mais úteis ao homem, essa levedura é um dos sistemas eucarióticos mais bem conhecidos. Sua parede celular possui de 80 a 85% de polissacarídeos, principalmente mananos e glucanos, frações estas importantíssimas também na modulação da resposta imunocompetente.

As leveduras exclusivas Biosyn são englobadas por mucopolissacarídeo, o que permite que passem vivas pelo trato gastrointestinal.

LACTOBACILLUS e BIFIDOBACTERIUM

Atuam em mecanismos de ação benéfica ao hospedeiro, através da competição por sítios de ligação e nutrientes, produção de substâncias antibacterianas (defensinas e bacteriocinas), supressão da produção de amônia, diminuição do ph intestinal, neutralização de enterotoxinas, aumentando assim o controle de patógenos, promovendo melhores índices zooeconômicos, com maior produtividade, melhor conversão alimentar, maior uniformidade e estímulo do sistema imune.

ANIMAL HEALTH TECHNOLOGY

Mais que um ícone Biosyntech de tecnologia em saúde animal, o Animal Health Technology é um conceito, uma plataforma de trabalho que foca e prioriza a pesquisa tecnológica para fornecer ferramentas novas ou melhores para a produtividade e saúde animal, sendo fundamental para a implantação de novos produtos e para o desenvolvimento de uma abordagem abrangente de nossa área de atuação que exige uma profunda compreesão de biotecnologia, matérias-primas, requisitos nutricionais e fisiologia dos animais.

animal healt

Buscar